28 de dez de 2011

Nova Geração De Animes!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

Todo mundo sabe que o tempo passa, umas coisas envelhecem e outras se renovam, umas pioram e outras melhoram. No mundo dos desenhos também. Os que foram lançados antigamente ou se tornaram clássicos ou foram simplesmente esquecidos, os que são lançados hoje em dia fazem parte dessa "Nova Geração".

O conceito de "Nova Geração" é mais quanto ao modo como o anime é feito e desenhado do que qualquer outra coisa, mas há outras coisas. Quase todos os animes lançados de 2006 em diante se encaixam nesta categoria.

Na Nova Geração de Animes tudo mudou, as histórias abordam outros temas, apesar que se encontram muitos animes com histórias bem parecidas por "coincidência", os traços dos personagens e principalmente o dos cenários mudaram, sem falar que o público mudou.

Quando digo que os traços, o modo como os animes são desenhados mudaram, digo em relação à antigamente, pois aparentemente todos os novos animes são desenhados pelo mesmo cara, pela semelhança nos traços. Só uma coisa difere e muito de um anime para outro: os olhos. Cada anime possui seu próprio modo de desenhar os olhos, dando mais ênfase a isso do que as vezes ao cenário.

Tendo em consideração o número de animes que foram e que são lançados fica praticamente impossível você ver algum anime com uma história totalmente original. Muitas vezes se acha algum com uma ideologia diferente, mas no final das contas você se pega pensando "Já vi isso em algum lugar!". Por exemplo um anime chamado "Ben-To" onde os personagens brigam por marmitas pela metade do preço, aparentemente ideia original, mas há um novato, um vilão e uma "senpai" (aluna mais velha) que já possui uma richa com o vilão, me diga um anime que não possui estes três fatores.

Muitos animes da Nova Geração são totalmente descartáveis, pois a história é ruim, personagens são sem o carisma necessário, o cenário é uma bosta e coisas do tipo. Porém outros são dignos de se tornarem clássicos com o passar do tempo, pois conquistaram seu espaço, mesmo alguns deles sendo bem curtos.

A grande maioria desses novos animes são curtos, no máximo 25 episódios por temporada e na maioria das vezes só possuem uma temporada. Por alguns ainda estarem sendo lançados, fica toda aquela expectativa sobre a notícia da segunda temporada ser verdade, o que é angustiante!

Angustiante mesmo deve ter sido pra quem assistia o Dragon Ball Z enquanto ele estava sendo lançado. Já que o Goku ficou naquele Caminho da Serpente durante longos 6 meses, sendo um episódio por semana. Haja paciência!

"Be Happy!"

Post ao som de: Shout - Black Tide

21 de dez de 2011

Screamo!

Vamos gritar? Juntinhos? -n.

Screamo é uma técnica muito utilizada,  na maior parte do tempo, por bandas de "metalcore" que é quando minha mãe pega meu boleteim os vocalistas utilizam de berros nas músicas, algumas vezes misturando com "vocais limpos" e às vezes, não.

O screamo está na cena musical faz tempo, mas começou a se popularizar em 2006 com bandas como Bring Me The Horizon e Escape The Fate, e hoje, infelizmente está virando moda entre os jovens.

Na verdade, existem 3 tipos de "gritos" (Screamo, Gultural e Driver) e vou tentar explicar a diferença entre eles. se não entender foda-se

·   Driver: Muito utilizado no Trash Metal, é quando o vocalista tenta "imitar" o som da guitarra com a voz (já que os guitarristas de trash metal são ruins) Ex de bandas: não sei

·   Gultural: É o grito EXTREMAMENTE grave, grosso a voz do capeta muitas vezes, só entendido pelo ouvinte quando ele ouve a música lendo a letra. Ex de bandas: Slayer, Ratos de Porão, Cannibal Corpse.

·   Screamo: O MAIS LINDO, FODA TODOS DEVEM OUVIR s2 É o grito mais agudo, mais "rasgado", muitas vezes também de difícil entendimento das palavras e muitas vezes as bandas misturam essa técnica com vocais limpos e melodias mais calmas. Ex de bandas: Bring Me The Horizon, Chelsea Grin, Suicide Silence, I see Stars (se eu começar a falar, não paro mais)

·   É MÓ LEGAL COLOCAR ESSAS BOLINHAS AQUI *-*
                        
Eu não sei mais o que escrever e o @Tiesco_666 quer esse texto ainda hoje então vou ensinar a você como pagar mais barato em um lanche:

1 - Chega na lanchonete e por exemplo você quer um com bacon, mas o com frango é mais barato aí você faz assim

2 - Chama o garçom

3 - Fale pra ele: "Eu quero um lanche de frango, mas no lugar de frango você põe bacon."

4 - Fim

Enfim, não quero forçar ninguém à nada mas SE VOCÊ NÃO OUVIR SCREAMO AGORA VOCÊ FICARÁ GRAVIDO (A) E MORRER.

Se você gostou do post me segue no twitter: @Feezudoqq (só add com scrap)
Se você não gostou foda-se eu já passei no vestibular.

"Be Happy"

16 de dez de 2011

O Lado Negro De Sonic!

Vamos ficar com medo? Juntinhos? -n

O que você lerá a seguir é uma creepypasta, que são lendas modernas difundidas pela internet, por fóruns, e-mails e redes sociais. Normalmente podem ser fictícias, sem provas ou fontes confiáveis, ficando assim apenas como um conto de terror, mas… e se forem reais?

Eu sou um clássico jogador de Sonic the Hedgehog. Já tive muitos dos consoles da Sega naqueles velhos tempos, mas desde que o Sonic mudou para o 3D, seus jogos se transformaram em lixo, incluindo aqueles ridículos jogos "Sonic Adventure" que todo mundo vive falando. Eu odeio quase TODOS os jogos modernos do Sonic. Parei de jogar seus jogos por um bom tempo, até que um dia eu encontrei meu antigo Master System, e que milagrosamente, estava funcionando perfeitamente quando testei a minha fita do jogo Shinobi. Porem, quando eu coloquei o meu Sonic the Hedgehog 2, infelizmente não funcionou.

Então fui procurar este jogo em todas as lojas possíveis. Depois de horas de busca, finalmente achei o cartucho em uma loja que vendia jogos usados e por um preço muito barato. Muita sorte, não? Comprei o cartucho, e fui correndo para a minha casa para jogá-lo em meu velho Master.

Tudo estava perfeitamente normal; eu estava jogando e tendo muita diversão em minha viagem nostálgica. Na história deste jogo, Tails é sequestrado e cabe a Sonic resgatá-lo do malvado Dr. Ivo Robotnik. Se você achar todas as Esmeraldas do Caos, você salvará Tails e obterá o final bom do jogo, mas se você chegar na fase “Scrambled Egg Act 3” sem elas, você simplesmente lutará contra Metal Sonic, e Tails será dado como morto, já que nos créditos, mostra o Sonic correndo por algumas planícies, até que ele pára no final e olha para o céu, e uma foto de Tails é vista, com a palavra “END” abaixo dela.

Este é a hora onde as coisas começaram a ficar mais estranhas. Eu zerei o jogo sem as Esmeraldas do Caos, porque estava com muita preguiça de procurá-las nas fases. Tudo estava normal, até chegar aos créditos…

Sonic estava aparentemente chorando, enquanto corria pelas planícies. Ele parecia muito triste, e havia lágrimas em seus olhos. Depois da imagem do Tails aparecer no céu, o jogo voltou à tela do logo da SEGA no inicio do jogo. Eu estava esperando pela tela título aparecer, mas quando ela finalmente apareceu, fiquei… totalmente apavorado: Sonic e Tails estavam na tela de título, mas Tails estava completamente cinza, e havia buracos negros no lugar de seus olhos; ele parecia um zumbi.

Apertei Start e comecei o jogo mais uma vez, mas para a minha surpresa, na imagem que mostra Sonic e Tails, que normalmente aparece antes de começar alguma fase, Tails não estava lá; somente o Sonic estava dentro do carrinho minerador na foto da primeira fase. E quando o primeiro ato começou, Sonic mais uma vez estava chorando como nos créditos, mas a diferença era que eu conseguia controlá-lo normalmente.
Quando cheguei a um dos lugares onde originalmente havia a Esmeralda do Caos, não havia nada lá. Eu não tinha escolha a não ser terminar o nível sem ela. No terceiro ato da primeira fase, lá estava o primeiro chefe: um inseto robô, com pinças em sua cabeça. Nessa hora, eu não conseguia mais controlar o Sonic; ele simplesmente pulou no chefe, e para minha surpresa, foi cortado ao meio pelas suas pinças. Então, o jogo congelou em uma tela preta, e eu tive que reiniciá-lo.

Quando a tela de título apareceu novamente, Tails ainda estava cinza como um zumbi, mas o Sonic também estava diferente: ele não tinha expressão facial, seus olhos estavam completamente brancos e ele também não tinha boca. Naquele momento, eu sabia que aquilo era um jogo hackeado, mas eu comecei a jogá-lo novamente, mesmo assim. Logo após eu apertar o botão Start na tela de título, a tela cortou para um fundo preto, e na imagem que mostra antes da primeira fase, não havia mais ninguém, nem o Sonic nem o Tails.

Quando eu finalmente decidi desligar o jogo, a tela ficou completamente preta novamente, e um texto em vermelho sangue apareceu no meio, com a sigla "RIP". Eu já tive o bastante desse jogo. Desliguei meu Master System e me livrei desta porra de cartucho. Eu nunca mais quero jogar nem sequer ouvir falar deste jogo.

Dois vídeos podem mostrar bem isso. Esse e esse outro

By: Herminho.

12 de dez de 2011

Cover Rock N' Games!

Vamos ouvir? Juntinhos? -n

Faziam séculos que eu não gravava nada, e mais séculos ainda que eu não gravava covers.

Tá, eu disse que tiraria férias do Blog, mas mesmo assim, eu já vinha tentando gravar este cover com a participação do Gustavo à muito tempo. E como agora deu certo, eu venho colocar aqui no Blog para divulgar.

É um cover da música Black Swan do Megadeth, mas na sua versão de 2006 que não é tão apelona quanto esta nova de 2011, porém ainda sim fodástica.

Sem mais enrolação aqui está o cover, espero que gostem, pois o Gu teve um trabalhão pra editar esse vídeo.

Black Swan (Cover) by Tiesco Pimentel [guitarra base] e Gustavo Oenning [guitarra solo]:


"Be Happy!"

Post ao som de: Tiraram minhas caixinhas de som... De novo.

10 de dez de 2011

Férias!

Vamos tirar férias? Juntinhos? -yep

Venho por meio deste informar que o Rock N' Games passará por um breve momento de férias.
Não sei até quando, mas não serão férias permanentes, porém podem (ou não) serem bem longas.
O real motivo é que ando com muita pouca criatividade e menos ânimo ainda.
Acho que ficando um pouco longe, sem me preocupar tanto, consiga recuperar toda a calma pra escrever algo digno que vocês possam ler.
Já venho a bastante tempo pensando nisto, basta ver a diferença de datas de um post para outro.
Praticamente era um post a cada dois dias, mas a diferença foi aumentando drasticamente conforme minha preguiça falta de responsabilidade.
Quando eu conseguir pensar em algo decente vou escrever aqui, mas não esperem mais do que três posts por semana.

Se você quiser escrever para o Blog, mesmo que eu nem lhe conheça, basta entrar em contato comigo por Twitter ou MSN (coestipimentel@hotmail.com) e me enviar o texto que, se eu estiver de acordo, posto aqui dando os devidos créditos.

"Be Happy!"

5 de dez de 2011

Os Games Mais "Zuados" De Todos Os Tempos 4.0!

Vamos zoar? Juntinhos? -YEP xD

Você já sabe como isso funciona então vamos direto ao ponto.

Post 1 aqui.
Post 2 fica aqui.
Post 3 vai ficar aqui, porque eu quero.
Post 4, que no caso é esse, fica aqui.

Enjoy! xD

Mario With A Portal Gun:


Rejected Sega Intros:


Sheik Crashes A Bachelor Party:


Inbred Yoshi:


Metal Gear Solid Box Trouble:


Post by: Herminho.

Post ao som de: Heart Of A Brave - Primal Fear

1 de dez de 2011

Aniversário!

Vamos festejar? Juntinhos? -n

Happy Birthday to you, meu querido amiguinho que está ficando mais velho e, consequentemente, está chegando mais perto da morte. Você faz aniversário no dia em que você nasceu e isso não é coincidência, já que aniversários são comemorados no dia em que a pessoa nasceu.

Todo mundo se sente o tal no dia de seu aniversário, pensando ser altamente especial, algo que não é verdade. Você só está comemorando um dia normal pra todas as outras pessoas que não fazem aniversário neste dia. Mas o fato de se achar especial é algo normal, todo mundo o faz, principalmente quando a pessoa finge que não liga por ser seu aniversário, ou pra quando finge que esquece. Sim, ela liga e não, ela não esqueceu, ela só espera que alguém lembre e a lembre de tal festividade.

Festas de aniversário são frustantes tanto quando você é um convidado quanto quando você é o aniversariante, mais ainda na segunda posição, a de aniversariante. Primeiro que quando você é aniversariante você é quase obrigado, se for menor de 16 anos, a fazer uma festa e chamar, no mínimo, a sua turma inteira da escola e alguns alunos mais velhos pra ganhar moral. Quando se dá uma festa, seus pais se fodem gastam uma grana preta com todos os preparativos, e depois eles descontam isso em você.
"Ah, quer dinheiro? E tudo o que eu gastei na sua festinha?" . Já usaram isso contra mim inúmeras vezes.

Tem também a questão do presente, quando você imagina um PS3 ganha um PolyStation, quando pensa em um Super Max Steel da TV ganha um daqueles de R$ 1,99 da lojinha da esquina que vem com as cores erradas, etc. Pior ainda é quando você ganha roupas, ainda mais quando ganha iguais, sim, isso pode acontecer. Hoje em dia eu meio que peço pra ganhar roupas, já que tudo o que eu gostaria de ganhar está acima de um preço aceitável para se pagar em um presente de um aniversariante. Mas eu não faço festas.

Quando você é o convidado, a sua primeira dúvida é: Qual será a roupa que devo usar? Vai que é uma festa formal?! Vai que é uma festa à fantasia?! Isso ocorre principalmente quando esquecem de avisar no papelzinho que lhe dão e chamam de convite. A segunda dúvida é: Que presente devo levar? Levo uma camisa e sou odiado pro resto da noite? Levo um carrinho que dura duas semanas? Ou levo um presente caro demais e crio toda uma expectativa pro aniversário seguinte? E a terceira e mais derradeira dúvida: Pego ou não uma bexiga?

Mas mesmo com todos estes problemas, o aniversário é uma data especial pra todos. Deve de ser sim, comemorada. Já que é o diam, *estalo com a boca*, é-m, em que você, hihi, comemoram que Papai do céum lhe deu vida-m [Sílvio Santos Off]. Comemore você também! =D

"Be Happy!"

Post ao som de: Future World - Helloween

28 de nov de 2011

Here And Now!

Vamos ouvir? Juntinhos? -n

Here And Now é o 7º álbum de estúdio daquela bandinha canadense fazedora de baladinhas que na verdade quer fazer sucesso com um Hard Metal (letras de Hard Rock com guitarras de Metal), mas não consegue.
Quer saber mais sobre o Nickelback, clique aqui e leia um pouco.

Agora que você já se informou (ou não) sobre a banda vou à resenha desse novo CD. O disco continua com todo o Metal que o Nickelback tenta impor, continua com as baladinhas que são indispensáveis e também continua com o vocalista mais estranho do mundo da música. Nem pelas ações, ou roupas, o Chad Kroeger simplesmente não combina com si mesmo. Víde essa foto:

Voltando ao disco: o álbum começa com This Means War. Como você já deve imaginar é uma das músicas "Wannabe Metal". Mesmo possuindo uma base de verso calma, o refrão é gritado. Toda música que possui "War" no nome meio que obrigatoriamente tem de ser pesada, mas enfim...

Chega a vez de Bottoms Up, música pop com guitarras distorcidas e um riff fácil e provavelmente simples de ser execultado. Não é uma música que impõe muito respeito no verso e muito menos no refrão, mas possui um solo destrutivo de guitarra a lá Kirk Hammet. Não por ser comprido, mas por usar o mesmo efeito a 248438743154687973 anos. Solos como esse são visto nos outros álbuns do Nickelback.

When We Stand Together: baladinha de três notas que só está no álbum pra vendê-lo. A única hora que você pensa que entrará outro acorde o violão para e fica só a bateria, no mesmo ritmo. Depois volta o violão e começa o "Eeh, yeah, yeah, yeah, yeah" tudo de novo.

Midnight Queen é uma música forte com um pré-refrão igual o de outras músicas do próprio Nickelback, mas é uma música que lhe dá um up. Gotta Get Me Some já é o contrário, é uma música devagar, mas não calma com riff simples, mas ainda na área do Rock e não das baladas.

Lullaby é mais uma das baladinhas do disco. Ela lembra e MUITO outros "clássicos", se podemos chamar assim, da banda. Não por ser igual, mas é da identidade da banda. Possui até pianinho! =D. Pra mudar o nível chega a Kiss It Goodbye, música que tenta impor um riff mais pesado do que ele realmente é.

Das quatro últimas músicas, três delas são baladas. As músicas Trying Not To Love You, Holding On To Heaven e Don't Ever Let It End trazem o que dizem que a banda sabe fazer de melhor: suas baladas. Com letras "emocionantes" e quase nada de guitarra essas músicas devem de ser os próximos singles, quase certeza.

A penúltima música, sendo que a Don't Ever Let It End é a última, é a Everything I Wanna Do, que começa balada como as outras, mas adquiri uma certa força ao decorrer de seus 3 minutos e 26 segundos.

No geral, Here And Now, é um bom disco, possui baladas, muitas baladas, aliás, possui músicas Wannabe Metal e também possui uns efeitos de voz toscos. Ainda fica atrás do Dark Horse de 2008, mas é uma experiência legal, pra você que gosta das músicas que todos conhecem do Nickelback.

Não vou postar o link pra download porque é crime! (Y) Mas para ouvir as músicas basta clicar em seus nomes!

"Be Happy!"

Post ao som de: Everything I Wanna Do - Nickelback

25 de nov de 2011

Texto Aleatório!

Vamos escrever qualquer merda coisa? Juntinhos? -n

Você e o Jeremy devem se lembrar de como isso funciona. Hey Ho, Let's Go continuar nossa Tragic Comic que se deu início com isso e continuou com isso.

" Finalmente fiz 18 And Life se tornou maravilhosa. Consegui uma American Woman pra poder brincar de Sex Machine. Ela sempre dizia 'Don't Ever Let It End, vamos Do It Again'. Nossas conversas tinham More Than Words, nossa ligação era Something To Believe In.

Minha Dear Rosemary, oh, Mary Mary, tenho de lhe confessar algo, fui Almost Honest com você. Desde que me ouviu dizendo 'Hey Britanny' no telefone parou de Trust em mim. Você sabe que All I Want é você, minha Midnight Queen. Por favor, Don't Leave Me, mas todo o esforço foi em vão e acabamos Falling Down.

'Everyday I Love You Less And Less, Truth Be Told.' Essas palavras me deixaram Hurt por dentro. Sua Beautiful Dangerous me deixou Captivated e escondeu o Monster que você é. Quase Eat Me Up Alive algumas vezes. Eu estava sendo o Underdog, mas não ia Just Die por sua causa. Back Off Bitch!

Tive sorte do Wind Of Change ter soprado, fazendo você ser apenas Dust In The Wind (Pausa pro Combo do Scorpions...). Comecei a viver Livin' On The Edge, sem me importar If I Die Tomorrow e estava So Happy I Could Die hoje mesmo.

Ia de bar em bar, Round And Round e Around The World inteiro. Me diverti como se tivesse Just Sixteen anos e graças a você e seus Undisclosed Desires, que ultrapassaram The Thin Line Between Love And Hate.
Throw Yourself Away, _|_. "

Cada vez isso está ficando mais pesado!! O que será que vai acontecer no próximo episódio de... "Texto Aleatório com nomes de músicas em inglês"?

[P.S.: Agradeço o @Feezudoqq que me deu uma baita ajuda!]

Post ao som de: Fogos de artifício.

21 de nov de 2011

Vídeo Aleatório!

Vamos filmar qualquer merda coisa? Juntinhos? -n

Fazia tempo em que eu não postava nada da seção "Aleatório" aqui. Esse vídeo pra começar nem era pra ter sido enviado para o YouTube, mas como foi e eu apareço nele, vou postar aqui.

É um vídeo de eu e meus amigos divertidos que vivem grandes aventuras jogando algumas partidas de um esporte muito digno de ninjas: Ping-Pong.

Legal que o vídeo em que eu to cochando a negada o @AlexJorge_12 não coloca, né?! Ele coloca o que ele, cagadamente, ganha! Jogando estamos eu, @AlexJorge_12, @Juninho_Afonso, Zé Augusto e Irmãzinho (Nanico, ou até mesmo Ale-Alejandro)

Mas enfim, aqui o vídeo! =D



"Be Happy!"

Post ao som de: Não ouvia nada.

16 de nov de 2011

Angel Beats!

CLIQUE NA IMAGEM PARA VER AMPLIADA
Vamos assistir? Juntinhos? -n

Esse post possui (ou não) Spoilers.

Angels Beats é um anime e mangá japonês lançado em 2010 que conta a história de mortos em um mundo pós-morte. A história fica em torno de Yuzuru Otonashi, que acorda nesse mundo sem memórias, e seus amigos da "Frente de Batalha Vida-Após-A-Morte".

O anime possui todos os requisitos para ser considerado grande: Ação (com armas, explosões, facas loucas), comédia (como TK, personagem simplesmente FODA e o "Replay" do episódio 5) e todo a "fofura" necessária.

Basicamente: A "Frente de Batalha Vida-Após-A-Morte" luta contra a chamada anja, Tenshi, para não serem obliterados, para não sumirem desse mundo. Todos seguem a liderança de Yuri, a primeira garotinha meiga, que possui memórias terríveis de sua vida, como todos os outros que foram parar nesse mundo. Tenshi, que na verdade se chama Kanade Tachibana, também possui memórias e eu não posso dizê-las aqui mesmo estando com muita vontade. Se eu disser estrago todo o final! xD

Falando do anime em si. Já disse que ele é engraçado, já disse que tem ação e já disse que é fofo. Ok. O anime também possui um visual incrível, víde uma das últimas cenas que é de apertar o pause e admirar todo o trabalho que tiveram para criar a imagem que alí está. Os personagens são bem desenhados e um detalhe legal são os olhos, são diferentes do acostumado com animes como Dragon Ball, Naruto e Soul Eater (que postarei sobre mais pra frente). Não sei como compará-los é de ver para crer.

Voltando para a fofura, não há outro modo de dizer isso: estava assistindo o final do último episódio e tive de apertar pause, não para ver a imagem, mas sim para me recompor. Cheguei ao ponto de quase chorar, e é sério. "Ué, vai chorar, Tiesco! Recomponha-se homem!" - Disse eu para mim mesmo. Respirei fundo e continuei assistindo. Só não bati palmas para o anime pois era 5 da manhã e estava todo mundo dormindo.

Recomendo master para assistir. Você pode baixar os episódios, e os dois OVAs, pelo site Anbient.net clicando aqui.

"Be Happy"... Tentando segurar o choro quando Kanade e Yuzuru se despedem e então suas memórias são reveladas! *-*

Post ao som de: Black Swan - Megadeth

10 de nov de 2011

Os Games Mais "Zuados" De Todos Os Tempos 3 e 2/3!

Vamos zoar? Juntinhos? -YEP xD


Se, quando abrirem os vídeos, e não tiver legenda, cliquem em "CC" no rodapé do vídeo...não é tão difícil achar! xD

(Pra quem não leu os posts anteriores sobre eles, o grupo Dorkly é o responsável por pegare os maiores clássicos dos games e a partir deles criam animações muito bem humoradas. Para ler os posts clique aqui e ali, que no caso é aqui.)

Enjoy! xD

Mario's Horrifying Descovery:

Noob Saibot Is A Noob:

Sonic's Gambling Problem:

Link Didn't Get The Sword:

The King Is Dead... For Now:

"Be Happy!"

5 de nov de 2011

Megadeth!

Vamos imitar o Pato Donald? Juntinhos? -n

Sabe o Metallica, né?! Então, antes do Metallica começar a ser tudo isso que é hoje, antes mesmo de lançar o Kill 'Em All, Dave Mustaine era o guitarrista da banda. Era um bêbado de carteirinha, chegava atrasado, arrumava encrenca e muita coisa. Depois de uma briga, no qual deu um soco no James Hetfield, e mais algumas coisinhas, Dave, bêbado, foi colocado em um ônibus pelos integrantes do Metallica e levado para o outro lado do país. Quando acordou, despedido da banda e aonde Judas perdeu as botas, ficou puto furioso e jurou vingança com sangue nos zói, montando uma banda mais pesada que o Metallica. ¬¬'

Dave então criou o Megadeth, banda que logo em 1985 já lançou seu primeiro CD e agradou muita gente. Um metal pesado com distorção básica e afinação mais básica ainda, solos destruidores e a voz de adolescente de Dave, marcante como a do Pato Donald.

O Megadeth conseguiu obter um grande número de fãs rapidamente, um pouco menos intensamente que o Metallica, mas já era algo. Dave continuou bebendo e arrumando confusão, até mais que o normal, já que ninguém podia demiti-lo de sua própria banda.

A banda continuou trabalhando, fazendo shows enormes e até abrindo o show pro Iron Maiden, lançando seus  CDs até 2002, quando Dave decidi parar com a banda temporariamente, por causa de um machucado no braço. Enquanto isso, alguns anos antes, James Hetfield tem seu braço todo queimado e não para com a banda. (Y)

O que eu sei O que se sabe é que, após participar de várias e várias reuniões do Alcoólatras Anônimos, Dave voltou-se para suas origens cristãs e recebeu nosso senhor Jesus Cristo em seu coraçãozinho pecador [/cristão tentando lhe converter modo off]. Desde então pode se dizer que o som do Megadeth ficou mais pop, mas sem deixar as bases do Trash Metal e os solos estraçalhadores.

Em 2004, Dave ia lançar um álbum solo, mas reuniu um mano aqui, outro lá e o álbum solo se tornou um CD do Megadeth. Em 2009 tem mais um álbum, Endgame, e agora em 2011 é lançado o TH1RT3EN, álbum com 13 faixas sendo que ele é o 13º álbum da banda e o nome da faixa 13 é "13". Coincidência? Não, foi proposital.

Em 2009 o Metallica foi introduzido no Rock N' Roll Hall of Fame e James Hetfield convidou Dave para a cerimônia. Convite que foi recusado "por causa de Dave estar em turnê pela Europa".
Se o Megadeth conseguiu, mesmo com um líder cristão, ser mais pesado que o Metallica eu não sei, mas que são duas ótimas bandas, isso tenho certeza.

"Be Happy!"... Sofrendo pra passar a Hangar 18 do Guitar Hero 2 jogando no controle.

Post ao som de: Peace Sells - Megadeth

1 de nov de 2011

Noel Gallagher's High Flying Birds!

Exatos dois anos depois do fim de uma das mais bem sucedidas bandas de rock dos anos 90, quiçá de todos os tempos; o Oasis ‘voltou’ a ser assunto, primeiro pelo disco do irmão mais novo,Liam Gallagher, com o seu Beady Eye, que é basicamente o que sobrou doOasis, sem Noel.

Já o irmão mais velho demorou um pouco mais pra lançar seu disco solo, intitulado Noel Gallagher’s High Flying Birds. E sem sombra de dúvida, cada dia de espera valeu à pena. O disco deNoel é disparado o melhor álbum do ano, e a julgar pelo que outras bandas vêm fazendo por aí, é bem provável queHigh Flying Birds seja um dos melhores discos da década.

Se por um lado Liam resolveu investir em algumas velhas fórmulas que sempre deram certo com oOasis, Noel resolveu inovar e mostrar porque é o mais talentoso dos Gallaghers, fazendo um disco experimental e conceitual, daqueles que marcam época.

É bem verdade que algumas músicas fazem lembrar as baladas cantadas por Noel nos tempos deOasis. É algo até bastante natural, porque por mais que ele atire pra todos os lados, alguma hora vai acabar voltando no que sabe fazer de melhor. Além do que, não é segredo pra ninguém que algumas das músicas de High Flying Birds estavam escritas desde os tempos de Dig Out Your Soul, como If I Had a Gun e também a lendária Stop the Clocks, que existe desde muito antes disso mas nunca foi lançada oficialmente pela banda, embora haja uma coletânea de mesmo nome.

Considerações sobre The Death of You and Me: A julgar pelo título da faixa, poderíamos até dizer que Noel escreveu essa música numa tentativa de atingir Liam, ou até mesmo um pedido de desculpas, do jeito Noel Gallagher de ser. Mas esse boato já foi negado por Noel inúmeras vezes. Em todo caso, musicalmente falando, a faixa em questão até tem uns toques de The Importance of Being Idle (Don’t Believe the Truth, 2005), mas traz consigo instrumentos de sopro e uma levada até meio folk em algumas partes.

Sabe aquelas músicas que marcam uma geração e as pessoas cantam o refrão por anos e anos? Aquele refrão pra ser cantado em estádios? (I Wanna Live in A Dream in My) Record Machine, que é outra das que existe desde os tempos do Oasis, é uma dessas músicas, no caso, tem um grandessíssimo potencial pra ser.

E quando pensam que a criatividade, digo, a genialidade de Noel Gallagher chegou ao fim, ele mostra que não, e que ainda é uma verdadeira máquina de escrever hits. Prova disso é AKA... What a Life, que soa como uma continuação de Falling Down (Dig Out Your Soul, 2008).

No restante do disco, o que se segue é um festival de grandes músicas, que muitas bandas dariam um braço pra compor algo semelhante e que nas mãos de Noel Gallagher, algumas delas não viram nem single, seguem esquecidas no meio da obra.

Considerando tudo isso, pode-se afirmar sem medo que Noel Gallagher mais uma vez acertou a mão, e mostra que pode ter uma carreira solo tão gloriosa quanto a que teve durante mais de quinze anos com o Oasis.

Já Liam e seu Beady Eye, que fez um bom debut álbum, vai ter que trabalhar muito se quiser seguir fazendo concorrência ao Gallagher mais velho.

Post by: @javierfreitas

[PS.: Esse post também pode ser encontrado em javieragainstheworld.blogspot.com. Ele "vendeu" o post por esse merchan! =D]

29 de out de 2011

Os Games Mais "Zuados" De Todos Os Tempos 2: O Retorno!

Vamos zoar? Juntinhos? -Yep xD

Hoje, eu trago, mais uma vez, alguns dos melhores vídeos do grupo Dorkly!! 

(Pra quem não leu o 1º Post sobre eles, os caras são os responsáveis por pegarem os maiores clássicos dos games e a partir deles criam animações muito bem humoradas. Para ler o 1º Post, clique aqui.)

ENJOY...xD






"Be Happy!"

Post by: Herminho.

Post ao som de: Demon's Eye - Deep Purple

28 de out de 2011

Esperteza!

Vamos acertar tudo na prova sem ter estudado? Juntinhos? -n

Dizem que na vida só o mais forte sobrevive. Seja o mas forte fisicamente, ou mentalmente, ou capacitadamente. Enfim, tem de ser um dos melhores para continuar vivendo.

Mais precioso que a força, a inteligência é fundamental para qualquer um. Mede-se a inteligência de uma pessoa pelo QI dela ou na escola mesmo, pelas notas. Quando alguém tira 10, se esforça e, principalmente, entende a matéria, ela pode ser considerada inteligente OU esperta. Cheguei ao ponto que queria.

Há muita diferença entre uma pessoa inteligente e uma pessoa esperta. Um aluno inteligente é geralmente aquele Nerd que gosta de estudar, gosta de aprender e tudo mais, já um aluno esperto é aquele que não estuda, não aprende, mas consegue dar um jeito de ir bem nas provas e tal.

Ele arruma um jeito de colar, uma história mirabulosa só pra dizer que não fez a tarefa, e o professor cai as vezes, arruma todo um teorema pra se resolver exercícios de Matemática que não faz ideia da fórmula ou do que se pede e consegue tirar notas boas.

Ele não se mata na frente dos livros, não faz anotações no caderno, porque sabe que não iria ler mesmo, não presta atenção na aula e se faz de burro muitas vezes. Porém, por pacto com o capeta algum estranho motivo consegue se superar e fazer as tarefas, responder a prova toda e conseguir, as vezes, a nota total.

Me perguntaram dias atrás o que eu estudei para o Vestibular (que, como já sabem, eu passei), e respondi com honestidade: "Cara, sinceramente, não estudei nada. A prova estava difícil, mas passar foi fácil!"
Sempre me chamaram, principalmente as tias (todo mundo tem tia que te superestima), de inteligente e eu sempre recusei este "título". Não sou inteligente, sou esperto, ligeiro. Me aproveito das situações para tirar proveito e me dar bem. As vezes eu caio do cavalo, mas faz parte. É caindo do cavalo que se aprende a segurar com mais força e arruma umas costelas quebradas. Sim, sou filósofo nas horas vagas.

"Be Happy!"... Se aproveitando das brechas que a vida dá pra você se dar bem.

Post ao som de: Black Swan - Megadeth

24 de out de 2011

Fones De Ouvido!

Vamos ouvir enquanto o fone funciona? Juntinhos? -n

Todo mundo que lê o meu Blog deve possuir um celular com MP3 ou um aparelhinho MPqualquer coisa. Isso é quase certeza. Sendo assim, todos possuem foninhos e sabem que a vida útil deles é menos de uma semana. Por mais empiriquitado e de marca boa que ele seja.

Todo aparelho de áudio que você compra, mesmo que seja "paragueition" vem com um fone de ouvido desses com fio de 20 cm, que mal alcança do bolso da calça até as orelhas. Ele funciona perfeitamente Marcelo de dois a três dias, depois disso só um dos lados sai som. Após isso é uma semana pra dar perda total, e você sabe que estou certo.

Fone de ouvido é sinônimo de privacidade. Por que? Porque com ele você pode escutar Lady Gaga sem ninguém saber, a não ser que você conte ao colega ao lado, mesmo que subliminarmente, enquanto você dubla a Poker Face.

Algumas pessoas não possuem vergonha na cara e justamente o celular delas é daqueles superaltos e o vendedor esqueceu de vender os fones juntos. Você sabe de que tipo de pessoas eu estou falando. Essas pessoas mesmo que tenham um fone bom não o usam, para agradar seu povinho e irritar o resto da população.

Sugiro que todos usem seus fones, pois ninguém, a não ser que pergunte, quer saber o que você está ouvindo. Ninguém quer saber seu gosto musical, sendo que, se tiver uma música que comprometa você no seu cartão de memória, eu não deixaria no Shuffle!

"Be Happy"... Com seus foninhos enquanto eles ainda funcionam.

Post ao som de: So What I Lied - Sick Puppies

20 de out de 2011

Os Games Mais "Zuados" De Todos Os Tempos!

Vamos "zuar"? Juntinhos? -Yep! xD

Há um tempo venho acompanhando alguns vídeos do grupo Dorkly, os caras são os responsáveis por pegarem os maiores clássicos dos games (Super Mario, Sonic, Mortal Kombat e etc.) e a partir deles criam animações muito fodas bem humoradas; só quem já jogou (ou joga) pra entender.

Hoje trago para vocês alguns dos melhores vídeos dos caras! ENJOY xD











Semana que vem (quem sabe), o segundo Post! -(Y)-

Be Happy!

Post by: Herminho

19 de out de 2011

Texto Aleatório!

Vamos escrever qualquer merda coisa? Juntinhos? -n

Achei que já estava na hora de Unwrite That Song e escrever um Brand New World's post. Como já deve ter sacado a ideia, eu e @Feezudooq, vamos lhe contar o Otherside daquela primeira história.

"There Was A Time de calmaria e paz, mas The Boys Are Back In Town e tudo virou um caos. Tive de largar minha Simple Life e entrar para o Soldier Side, foi o início do My Apocalipse.

Peguei o Nightrain e fui para a War. Chegando lá virei The Trooper, vi um inimigo e gritei Die Motherfucker, ele ouviu e veio como um Supermassive Black Hole pra cima de mim. Tive um Panic Attack e quase virei um homem Dead! Mas no final das contas ele era um dos Nice Boys e graças a ele eu Survive.

I Should Have Known desde o começo que Dude (Looks Like A Lady) em um grau nunca antes visto. Então eu olhei Behind Blue Eyes dele, que na verdade era She, e disse: 'Little Sister, você não me engana com esses seus falsos Southern Ways. Um These Days alguém iria Figured You Out.'

Ela ficou nervosa e disse: 'You Don't Undertand, cara. This Is The End (For You My Friend).' Ela ia fugir pela ponte, mas se deparou com uma Bridge Burning e então gritou por Help!
Me senti um Superhuman e corri para resgatar minha Sexy Little Thing. Eu Jump no Ring Of Fire e a tirei de lá sã e salva! Ela, em meus braços, me olhou fundo e disse: 'Yoü And I, Let's Do It (Let's Fall In Love)! Juntinhos!'

Fomos para um quarto Dance In The Dark e foi Hysteria total. Eu com certeza iria Comin' Back For More porque Nothing Else Matters enquanto estava com ela. Mas como nada no My World é Perfect, tive de vir de embora e deixá-la So Far Away.

Vim para casa e era All The Same e sentia That Smell por todo canto. I Want More de qualquer jeito e Can't Stop de te querer. Então eu Runin' Down A Dream voltei para buscá-la, porque é This I Love.

Eu Used To Love Her, mas ela era como Judas e já estava com o cozinheiro de Big Foot, Sad But True. Desisti dela e fui atrás da Lyla que estava sempre de bobeira por lá. Somos felizes até então!"

"Be Happy!"... Ou não, né?!

Post ao som de: The Wicker Man - Iron Maiden

14 de out de 2011

Charge!

Vamos forçar risadas? Juntinhos? -n

Sabe aquele chocolate da Nestlé ou da Lacta que tem a embalagem azul e tem amendoins no meio? Então, o post não é sobre ele. O post é sobre aqueles desenhos de jornais, revistas e etc com caricaturas de famosos e piadinhas toscas.

Uma charge consiste em satirizar algo ou alguém. Algum famoso ou alguma situação do momento. Pois toda charge é atual, menos amanhã. Toda charge de ontem é velha, atual mesmo só a charge de hoje. A charge de amanhã é atual, mas se foi feita hoje ela é falsa, porque não há como prever o futuro, só se a Mãe Dinah aprendeu a desenhar ou aquele manolo do Heroes ressuscitou.

Há também as charges animadas, vide AnimaTunes, site que aparece quase que diariamente no Jogo Aberto da Cavaleiros do Zodíaco Television Band graças à suas charges futebolísticas, as vezes muito boas.
Outro exemplo de charges animadas são aquelas que passam nos jornais da Globo. Só que aquelas são charges políticas e na maioria das vezes a graça, que é fundamental em uma charge, não aparece.

O desenho, por ser uma caricatura, não precisa ser muito fiel, só algumas características marcantes. Por exemplo: Desenhar o Messi? Nariz grande e camisa da Unicef; Lula? Barba e falta um dedo; Milton Neves? Cabeça gigante; Axl Rose? Camisa de hockey, cavanhaque, falta de ar e uma barriga saliente, etc.

Não sei o por que, mas minha professora de português nos deu o trabalho de fazermos uma charge. Além de desenharmos devemos criar toda uma piada atual. Não sei no que isso vai me ajudar na vida, já que não pretendo ser um cartunista, talvez um criador de um anime muito foda, mas não cartunista.

Vou terminar o post por aqui porque me lembrei que ainda não fiz a minha charge e é melhor eu começar logo.

"Be Happy"... Tentando entender uma charge de 1980.

[Sobre a foto: Uma foto de um doce de chocolate chama muito mais atenção]

Post ao som de: Não ouvia nada.

11 de out de 2011

O Lado Negro De Pokémon (Parte 2)!

Somente prossiga lendo o relato abaixo depois de conhecer a primeira postagem.

Eu conheci meu melhor amigo no ginásio. Nós dois levamos nossos Gameboys para a escola um dia e sentamos juntos no almoço quando percebemos que tínhamos algo em comum. Eu tinha a versão Blue e um Venosaur, ele tinha a versão Red e um Charizard. Nós batalhávamos sempre que podíamos e nos tornamos grandes amigos. E os anos se passaram, continuamos a jogar Pokémon, até mesmo durante o colegial. Passamos por todas as gerações e versões de Pokémon, as batalhas nunca ficavam sem-graça.

Quando chegamos à faculdade, nossos caminhos se separaram. Não conversamos muito depois disso, tínhamos vidas ocupadas na universidade. Eu pensava que não iríamos mais retomar a amizade que já tivemos um dia. Então, Pokémon Diamond e Pearl foram lançados em 2007 e nós aproveitamos o interesse pela série para nos reunir e se divertir. Batalhávamos e conversávamos atravésdo wi-fi todo dia por algumas semanas após o lançamento.

Meu amigo me contou que ele planejava jogar novamente a versão Red que tinha. Havia se passado três meses após o lançamento de Diamond e Pearl, e não jogávamos mais como antes. Eu perguntei a ele por que ele queria jogar aquele cartucho velho e empoeirado, e ele respondeu, “Eu não sei, talvez eu encontre algo que ninguém jamais encontrou antes.” Depois disso eu nunca mais falei com ele.

Mais ou menos três meses depois, eu recebi uma ligação dos pais de meu amigo. Ele havia morrido do que diziam ter sido um “ataque intensivo”. Ele estava sozinho no dormitório até que um colega de quarto, que infelizmente chegou tarde demais, o encontrou no chão, sem vida, e estranhamente usando seus fones de ouvido favoritos. Eu corri assim que pude para ir ao seu funeral. O colega dele, que também foi ao velório, me informou que alguns dias antes do incidente, meu amigo havia se tornado obcecado pela cidade de Lavender e sua música. Meu amigo queria ser engenheiro de som depois de se formar e tinha um ótimo talento com os sons. Ele podia ouvir sons baixos vividamente enquanto eu falhava em reconhecê-los.

Eu tive a chance de mexer em seu laptop pela última vez, então eu visitei sua lista de “Itens Recentes”. No topo dela eu li “lavender.wav”. Juntamente com várias fotos nossas juntos, eu copiei este arquivo. Devido a minha tristeza pela morte de meu melhor amigo, eu ignorei o arquivo de áudio até algumas semanas antes de escrever isso. De algum modo decidi recentemente que eu precisava entender o que acontecera.

Levado pelo desejo de saber o que causara sua morte repentina, eu abri as propriedades do som, sem ouvi-lo. Com a seção de descrição do áudio, ele escreveu, “Tons binaurais”. Até hoje ainda não ouvi o áudio, já que estou muito emocionalmente perturbado pela morte de Anthony, meu melhor amigo.

Aqui termina o relato que há tempos circula na internet, mas ainda há algo muito curioso. O vídeo abaixo é uma gravação tocando o arquivo em um software de análise de frequências de áudio (espectrograma). Você pode observarque a partir dos 8:00 do vídeo, as frequencias formam uma clara figura de Ghost junto da frase “Leave Now” (saia agora), formada pelos Pokémon Unown. Em seguida, há uma série de sons destoantes que seguem junto com a música. O estranho é que os Pokémons Unown só surgiriam bastante tempo depois!
Clique aqui para ver o vídeo.

Post by: Herminho.

6 de out de 2011

Apple!

Vamos comprar? Juntinhos? -n

Sabe aquela maçã mordida que fica atrás do Notebook dos filhinhos de papai? Aquele supercelular que os filhinhos de mamãe sempre se gabam de ter, por ter uma maçã atrás? Essas "maçãs" são o símbolo da Apple, "maçã" se for traduzir do inglês, e é uma das maiores empresas no setor tecnológico do mundo.

Pouco tempo atrás, seu criador, Steve Out Of Jobs teve de renunciar ao cargo de presidente da empresa multinacional, provavelmente por problemas de saúde. Ontem, dia 05/10/2011 ele morre de câncer.

Steve Out Of Jobs deixou todo um legado junto com a Apple e todos os seus produtos. Muitos deles revolucionários tecnologicamente. Claro que os produtos não são acessíveis à todos, até porque são da mais alta tecnologia, mas todos aqueles que possuem um aparelho da Apple original o idolatram.

A principal rival da Apple no mercado é a Microsoft, principalmente no ramo dos "tablets" de chocolate. Mesmo sendo que, em 1997, a Microsoft tenha comprado 40% das ações da Apple, medida tomada para salvar a empresa, que estava em decadência com a saída o Steve Out Of Jobs, desde 1985.

Nunca entendi o nome Apple. "Ah, é por causa do símbolo ser uma maçã mordida", tá, isso eu entendo, mas porque o símbolo é uma maçã?

Vamos analisar juntinhos: O símbolo é uma maçã que provavelmente foi mordida. A única maçã mordida mais famosa que a da Apple é aquela que aparece na Bíblia, a que Adão e Eva comeram. Será que foi por esse motivo? Apple, o fruto proibido que todos querem, mas todos temem que, de tão tecnologicamente avançado que o aparelho seja, se transforme em um robô do Transformers e mate a todos.

Eu não sei o real motivo, mas assim como a maçã do Eden, todos a querem, mas nem todos a possuem. Pois os preços são altos bagarai e a concorrência com a pirataria é quase que desleal. Você tem o mesmo produto, por um terço do preço real, mas por menos da metade do tempo.

Não recomendo a ninguém comprar coisas piratas, até porque qualquer um pode ler o meu blog e se verem que eu sou a favor da pirataria pode foder legal complicar. Mas ninguém lê o blog, mesmo. Ah, faça o que você quiser.

"Be Happy!"... Com seu iPad, iPod, iPhone, iPorra, iSad, iCaralho a 4, iEtc.

Post ao som de: Não me deixaram ouvir música.

3 de out de 2011

Rock In Rio (Parte 2)!

Vamos assistir o Rock In Rio pela Globo? Juntinhos? -n

Pra começar nem tem mais como, já que o Rock In Rio acabou.

Esta é a segunda parte, como visto no título, do post especial com fatos que ocorreram durante o Rock In Rio e que foram ao ar na Rede Globo. Uma seleção das melhores observações perspicazes que toda a equipe da Rock N' Games (me, myself and I) conseguiu flagrar.

Vaias são assunto passado.

Quinta-feira foi Show do Stevie Wonder e da grande quantidade de piadas sobre o fato dele ser cego, brincadeira boba. Bom, eu não vi o show e aposto que nem ele viu. (Sacaram a piada né?! Ele é cego, não viu o show! Sou muito engraçado! -n)

No dia seguinte teve, logo de cara, Marcelo D4 D2. O povo ficou chapado logo no começo e foi assim que conseguiram aguentar o resto das apresentações.

As amigonas Shakira e Ivete Sangalo cantaram juntinhas. Depois do show uma foi na casa da outra, passaram o resto da madrugada juntas, jantaram, almoçaram e festejaram, pois são amigonas. -n
Se não se conheceram no camarim é um espanto.

Me recuso a comentar qualquer coisa relacionada à gentalha Coldplay. É chato bagarai, eu tenho um ódio mortal e não ia perder meu tempo gastando palavras.
E mesmo que eu quisesse comentar o show, teria de ter assistido. Problema é que acabou a luz daqui bem nessa faixa de horário. Então já viu...

Domingo tivemos a Amy Lee original e a Amy Lee falsa. Digo, digo... Tivemos a Amy Lee e a Pitty.
No show da Pitty tivemos uma participação do Lázaro Ramos da vida real tocando baixo, um meio cover da Smells Like Teen Spirit e só. Pelo menos ela estava conseguindo cantar dessa vez.

Amy Lee, além de estar muito "tá loko, neném", mostrou que ainda sabe cantar bagarai lembrei da época que escutava Evanescence por causa dela. Ah, bons tempos...

System Of A Down = Bandinha de estúdio. Já disse isso e torno a dizer.
Aposto que não fui só eu que fiquei seco na hora do solo da Lonely Day que o Daron deu um baita de um "pastel" na gente com aquele solinho que até eu reproduzo.

Serj Tankian mostrou grande potencial para imitar Sílvio Santos! Ele fica dançando o tempo inteiro, sem falar que canta sorrindo, outra característica do Homem do Baú e o bambu?.

Show do Guns N' Roses, principal atração da noite. Quase que FAIL MASTER. Pra começar o Axl perde o voo. Depois, pouco antes do show começa a cair um toró. Daí toda a clássica encheção de linguiça por parte da Globo até a hora do show começar, mas começou, o que já é algo.

Pra começar o Ryan Dunn Ron Bumblefoot Thal foi fazer graça com a máscara de um trooper do Darth Vader e deu uma bela hagada no solo da Welcome To The Jungle, mas belêz. Apesar que até os mano do Slipknot tocam de máscara.

Quase chorei quando vi o DJ Semp Toshiba Ashiba destruindo aquela Les Paul.

Depois o Axl Pato Rouco Rose vai olhar pro lado e erra a November Rain. Eu tinha quase certeza que ele iria mandar um "October Rain", já que estamos em outubro e estava chovendo, mas nem o fez.

Pra finalizar ficou comprovado que: Ninguém consegue imitar o assobio da Patience, nem o próprio A-xis-éli.

O show do Guns Cover foi bem dentro do que eu esperava. Apesar que achei sacanagem tocarem a Sorry e não a Civil War. Mas só por terem tocado a Estranged estão perdoados.
"Was about Eighteen years that I played this song" - Axl Pato Rouco Rose.

Agora é esperar 2013, se o mundo passar de 2012.

"Be Happy!"... Ouvindo o bom e velho Rock N' Roll.

Post ao som de: The Unforgiven III e dois terços - Metallica

30 de set de 2011

Hentai!

Hentai: Porque garotas de verdade não se vestem assim
Vamos masturbar assistir? Juntinhos? -n

Pra você, desconhecedor da cultura japonesa do Japão, Hentai é um anime com algo mais. É um gênero de anime classificado para maiores de 18 anos de idade e você já deve desconfiar do porquê. Sim, há cenas de nudez e, muitas vezes, de sexo, seja explícito ou não.

É uma febre no Japão e também fora dele, se duvidar é até mais febre fora do próprio Japão. O porque do japoneses gostarem mais de desenhos do que de filmes de verdade é o fato de, no desenho, os personagens poderem orgulhar a nação.

Outra característica marcante nos Hentais, e em alguns animes em geral, é a abundância de seio nas personagens. Quanto mais seio ela tiver e mais meiga ela for, mais sucesso para o desenho. Receita testada e aprovada por muitos por aí.

Muitos hentais possuem história complexa, vários personagens e flashbacks que revelam algum mistério da história. Claro, eles também contém cenas de sacanagem. Outros hentais, pelo contrário, não possuem uma história, só sacanagem e mais sacanagem. Não que eu esteja reclamando.

Muitos confundem o significado de Hentai. Dizem, por exemplo, que por um certo anime ter uma personagem, ou até mesmo uma cena mais sensual, ele é um hentai. Mas não, para ser um hentai há de ter: Muito mais personagens mulheres do que homens, sendo delas a grande maioria peitudas com seios volumosos; cenas de sexo, é claro; lésbicas meigas com medo de aceitar sua opção sexual (pra ter um certo suspense e tal); e nada de pelos pubianos, pois hentai algum que eu já vi, não que eu tenha visto bastante, há personagens com pelos. Isso se deve a ideia de deixar os personagens o mais jovens possíveis, mas maiores de idade.

Eu não tenho idade pra ver hentais, você talvez também não tenha. Mas é legal a experiência. Eu particularmente não gosto tanto assim de hentais, prefiro mais Ecchis, que são animes com um teor sensual maior, mas nada de sexo explícito.

Se tiver idade pra ver hentais e/ou ecchis, veja. Se não, veja mesmo assim. Ninguém vai preso por assistir desenhos!

"Be Happy!"... Le Flapando.

Post ao som de: Big Foot - Chickenfoot

27 de set de 2011

Hackers!

Vamos Hackear? Jutinhos? -n

Não é de hoje que o “hackerismo” fascina milhares de pessoas em todo o mundo.
Várias imagens foram criadas sobre os hackers, algumas os colocando como justiceiros, com poder de combater e desfalcar grandes corporações; outras, mostrando-os como simples bandidos atrás de uma forma ilícita de obter lucro,

Seja roubando dinheiro ou informações sigilosas. Há ainda uma terceira visão que coloca o hacker como um pesquisador, alguém que busca sempre aprimorar seus conhecimentos através do estudo de sistemas alheios.

Ao mesmo tempo em que exercem fascínio, eles também amedrontam usuários e particularmente empresas, que temem ser invadidas e ter dados confidenciais roubados.

Há muito tempo os hackers atuam, mas inegavelmente foi no início de 2000 que eles ganharam as manchetes de jornais e revistas em todo o mundo. Durante três dias, na primeira quinzena de fevereiro daquele ano, uma ação coordenada por um grupo de hackers prejudicou o funcionamento e gerou grande prejuízo a sites muito populares como Yahoo!, Amazon, eBay, ZDNet, Buy.com e CNN.com.

A ação foi realizada com um artifício considerado simples, chamado DoS (Denial of Service, recusa de serviço). Nesse tipo de ataque, os hackers não entram nos computadores das vítimas para roubar informações. Eles simplesmente os bombardeiam com uma quantidade tão grande de dados que o acesso a elas fica bloqueado. Identificar os hackers que fazem esse tipo de ataque é especialmente difícil porque eles usam milhares de máquinas espalhadas pelo mundo, sem que os donos se dêem conta. Esses computadores funcionam como "escravos" sob o comando de um mestre a distância, que invadiu e dominou esses equipamentos que, na maioria das vezes, possuem conexão de acesso rápido à Internet.

Passados três anos desse episódio em que o mundo olhou pela primeira vez com certo medo a ação dos hackers, as empresas se armaram, contrataram especialistas, novos sistemas de segurança foram desenvolvidos e as equipes foram treinadas para evitar invasões. Também uma infinidade de títulos mostrando como agiam os hackers foi lançada.

O resultado? Os hackers continuaram agindo e aumentando seu poder de fogo cada vez mais. Para se ter uma idéia, em 21 de outubro de 2002, um poderoso ataque conseguiu derrubar nove dos 13 servidores que gerenciam o tráfego mundial da Internet. Na época, um oficial do governo americano descreveu o ataque como a invasão mais sofisticada em grande escala já feita em toda a história da Internet contra computadores de missão crítica.

Foi inventado um livro (que não vou citar o nome aqui) que ensina tudo!! Só pra deixar claro eu "Alex Jorge" não sou hacker!!! (Se eu for é daqueles bem ruins que não consegue hackear nem MSN)  :S

Post by: Alex Jorge

26 de set de 2011

Rock In Rio (Parte 1)!

Vamos assistir o Rock In Rio pela rede Globo? Juntinhos? -n

É com muito prazer que eu, Zeca Camargo e "Kirk Hamlet" apresentamos um post com algumas observações perspicazes sobre alguns fatos que ocorreram na transmissão do Rock In Rio pela Rede Glóbulo Globo de televisão.

Pra começar tiveram as vaias. Muita gente vaiada, as vezes com razão. Só fiquei com dó do Elton John que saiu antes pra Rihanna entrar. =)

Não sei o que era mais difícil não ficar olhando só pro curativo na testa do Anthony Kiedis, ou pro bigodinho ou não dormir durante a apresentação do Red Hot Chili Peppers.

Quem diaxos era o cara estampado na camisa que os integrantes do Red Hot estavam usando. Cheguei a pensar que fosse um Beatle, mas acho que não. Deve de ser uma piada interna, mas enfim. (Era o filho de uma atriz que era fã da banda. =D)

Sabem qual a única banda que mostrou algum sinal "satânico" durante o dia do Metal? Não foi o Slipknot, mas sim o Glória, que durante boa parte de sua apresentação teve um pentagrama com um crucifixo invertido no telão.

Não sabe cantar? Faça igual a Corey Taylor, do Slipknot, e Mi Sol Si do Glória: vomite!

Zeca Camargo chamando o show do Metallica e mandando uma obra de arte como: "Kirk Hamlet". Sim, claro... Master Of Puppets foi escrita por Shakespeare.

O show do Metallica foi foda.

James Hetfield esquecendo de ligar o efeito no Riff da Fade To Black e depois mandando a seguinte: "Usualy is heavier". HAUaHuahuaHUAhAUahuahU. Está perdoado.

O estagiário que disse pro Zeca Camargo que já podia chamar os melhores momentos sem nem o Metallica ter saído do palco deve de ter sido despedido, pois todos sabem de uma coisa sobre o Metallica: O show só acaba depois de Seek And Destroy. A banda nem saiu do palco e já tava o Zeca lá. ¬¬'

Depois dessa fui dormir. Semana que vem tem mais.

"Be Happy!"... Se contentando com o Rock In Casa.

Post ao som de: Set Me Free - Velvet Revolver

23 de set de 2011

O Lado Negro De Pokémon (Parte 1)!

Vamos temer? Juntinhos? -n

Se você acha que isso é sobre um jogo qualquer da série Pokémon, você está enganado. Este post é sobre uma versão hackeada de Pokémon Red, chamada de Pokémon Black.

É fantástico a frequência com que você encontra modificações dos jogos Pokemon no camelô e em lojas populares. Eles são normalmente muito divertidos.Os erros de tradução e qualidade baixa acabam os deixando muito engraçados.

Sempre dá pra achar a maioria dos que existem online, mas existe um que eu jamais ouvi qualquer menção sobre ele.
Aqui está uma foto do cartucho, no caso de alguém o reconhecer.

No inicio do game o professor Oak começa a falar, a partir disso podemos constatar que trata-se da versão Red, mas depois de selecionar o seu Pokémon inicial era só olhar lista e você deveria ter em adição o Bulbassaur, o Charmander ou o Squirtle ou um outro pokémon, GHOST.

O pokémon era level 1, ele tinha somente um ataque, “Curse”(amaldiçoar).

O adversário não podia atacar Ghost, aparecia na tela de mensagem que ele estava com muito medo para agir e quando o ataque curse era utilizado no meio da batalha, a tela ficava toda preta instantaneamente. O choro do Pokémon adversário era escutado mas um pouco distorcido em uma frequência bem mais aguda que o habitual, quando a tela de batalha voltava ao normal o pokémon adversário havia sumido.

Além disso, o mais estranho é que, ao vencer um treinador e ver a mensagem “Red recebeu $200 por ganhar!”, a mensagem aparecia novamente e se você selecionasse “Run” a batalha acabaria normalmente mas se você escolhesse“Curse”, quando retornasse ao mapa poderia notar que o treinador havia desaparecido.

Depois de sair e entrar novamente na área dava pra notar uma tumba onde estava o treinador, semelhante as que tinha na Pokémon Tower em Lavender. O jogo muda um pouco depois de derrotar a “Elite Four”, no entanto… Depois de ver o Hall da Fama, que consistia do Ghost e vários outros pokémons level 1, a tela cortava para uma tela preta com a frase: “Alguns anos depois”. De repente o jogo nos leva para a Pokémon Tower onde pode-se notar um velho parado olhando para as tumbas.

Dando a entender que este velho é nada mais nada menos que seu personagem, nesse ponto você não possui mais nenhum pokémon, nem mesmo Ghost que até este momento era impossível de remover de sua party depositando no PC.

O mapa está vazio, não existe mais nenhum NPC, mas as tumbas dos treinadores que foram derrotados durante a sua trajetória ainda estavam lá, outro detalhe interessante é que não importava o lugar que você estivesse, a música da cidade de Lavender continuava em um loop infinito.

Depois de pensar por um momento dava pra se perceber que na Diglett’s Cave um dos arbustos cortáveis, que geralmente bloqueiam o caminho, não estava mais lá, permitindo assim que você retornasse a cidade de Pallet.

Ao entrar na sua casa e ir exatamente aonde o jogo se inicia a tela corta pra outra tela preta e começam a aparecer figuras de vários pokémons que foram derrotados pelo curse. No final, após aparecer a imagem do pokémon do meu adversário surgem também imagens do Youngster, Gambler e meu rival, mas ao passo que estes e muitos outros treinadores iam aparecendo a música da cidade de Lavender começava a ficar cada vez mais aguda, até que na hora que meu rival surge emergindo em um verdadeiro estrondo demoníaco.

A tela fica preta novamente até que a tela de batalha surge, revelando você um velho, em contrapartida Ghost aparece do outro lado seguido pela mensagem: “Ghost wants to fight!”, contudo nesse momento você está impossibilitado de usar itens, nem mesmo pokémons. Se você tentasse correr não conseguiria, a única opção era “Fight”.

Escolhendo lutar, automaticamente você usaria o ataque Struggle(debater-se) que não afetava Ghost e ainda fazia você perder um pouco do seu HP e na vez de Ghost atacar simplesmente aparecia na tela a mensagem “…”.

Quando seu HP chegava a um ponto crítico, ele finalmente usava o seu temido ataque “Curse”, corte para a tela preta pela última vez e independentedo que você fizesse você ficava preso nesta tela, só lhe restando desligar seu Game Boy. Quando você ligava novamente a única opção era “New Game”, o jogo havia deletado seu save file.

Eu joguei essa versão várias a várias vezes, o jogo sempre acabava dessa forma. Várias vezes eu tentei não usar o Ghost, mesmo sendo impossível removê-lo, nesses casos no final do jogo não mostrava a foto de qualquer treinador ou pokémon, a tela apenas cortava direto para a cena final de batalha com Ghost.

Eu nunca entendi os motivos por trás da criação desse hack. No entanto ele foi muito pouco distribuido, então não foi por ganho financeiro. O jogo foi muito bem feito para uma versão hack. Parece que este hack na verdade queria transmitir uma mensagem através do jogo, eu não estou muito certo mas seria deque A MORTE É INEVITÁVEL? Ou apenas injetar morte e horror em um jogo infantil?

Um dia antes, eu joguei o hack de novo, pela ultima vez. Eu joguei normalmente como sempre e terminei o jogo. A tela ficou preta e o jogo congelou, como das outras vezes.

Eu estava pronto para desligar meu game boy quando o telefone tocou, fiquei cerca de 15 minutos no telefone. Instantes depois ouvi alguma coisa vinda do meu quarto. Eu entrei no meu quarto, e vi alguma coisa na tela do game boy. Eu estava excitado, talvez haveria algo mais no hack que eu ainda não havia descoberto. Peguei o Game Boy e haviam duas luzes vermelhas na tela. Derepente, apareceu uma mensagem sobre as luzes: “Ghost curses you” (Ghost amaldiçoou você)

P.S: O que você leu acima é o relato de um aficcionado por jogos de Pokémon, já traduzido em diversas línguas. Na próxima postagem desta série você verá que a música de "Lavender Town" (tema do jogo) não é uma “música infantil” comum, ela vai muito além do que você imagina…


Post by: Herminho.

Be Happy; ou borre-se de medo não durma essa noite, pois terá pesadelos! xD

Post ao som de: Cooler do meu PC...\o/