26 de out de 2012

Videocast!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

Eu sei que faz MUITO tempo que eu não gravava nada e também sei que não tenho desculpa. Mas hoje eu acordei antes do meio dia e pensei: "Quer saber? Vou gravar um vlog." E gravei mesmo!

Um vlog sobre fim do mundo, vender a virgindade e déficit de atenção, que cada vez mais tenho certeza de que possuo.

O que achou? Mande críticas, ofensas e sugestões para:
Twitter: @Tiesco_666
e-mail: coestipimentel@hotmail.com
Facebook: Tiesco Pimentel
Ou nos comentários mesmo! =D

Eis o vídeo:


"Be Happy!"

Post ao som de: Não ouvia nada.

23 de out de 2012

Vídeo Aleatório!

Vamos ver qualquer merda coisa? Juntinhos? -n

Era uma vez um mundo onde a internet ainda era coisa rara. Poucas eram as pessoas que a possuiam, e essas ainda assim não ficavam vagando por um dia inteiro.

Mais ou menos nessa época, quando a boa, ou ruim, ainda não me decidi, inclusão digital começou, o YouTube estourou com alguns simples vídeos, que não passavam de músicas clássicas da infância de quem nasceu entre 88 e 94 "traduzidas" não pela letra em si, mas pela semelhança do que o cara falava com o português. Produzidos pela extinta Cia do Salame os três primeiros vídeos foram:

Daileon e Jaspion - O Cara Tossiu


Jiban - Te Dou Um Queijo


Changeman - Change Band


Depois disso, na mesma linha, foram produzidos mais dois que merecem ser postados. Um feito pelo Marcos Castro e o outro não sei quem fez, mas é tão bom quanto os outros.

Jaspion - Coma Um Boi


Saint Seiya (Cavaleiros do Zodíaco) - Pega Sua Fanta Aí


Espero que gostem, porque eu passei a madrugada toda rindo dessas merdas coisas. Se mais ninguém gostar é a prova de que realmente estou louco!

"Be Happy!"... Rindo do Adalberto e morrendo!

Post ao som de: Não ouvia nada.

20 de out de 2012

Premonição!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

Premonição, ou Final Destination, é um clássico de terror e suspense lançado em 2000 que aterrorizou, e muito, os jovens que ainda não tinham idade pra ver um filme como esse. O filme em si possui uma história muito básica e que agora virou clichê, após cinco filmes da franquia.

Assim como em suas continuações, o enredo do filme fica em torno de um grupo de pessoas que foram salvas por algum mocinho que teve uma premonição e depois vão sendo caçadas uma à uma pelo que eles denominam ser... a Morte (MWAHAHAHAHA).

Para você se localizar, digo aqui que o primeiro filme é o do avião mortífero que explode, o segundo é o acidente mortal na estrada, o terceiro é o da montanha-russa da morte, o quarto é o do acidente na corrida de Nascar assassina e o quinto, e último por enquanto, é o da ponte fatalmente suspensa se partindo.

Muitos críticos apontam o quinto filme como o melhor de toda a franquia e eu os apoio. Siga meu raciocínio: Se você reassistir os filmes, verá que o primeiro pode até ser considerado tosco hoje em dia e ainda por cima o final do cinco é simplesmente SENSACIONAL!

Premonição é mais uma das franquias de terror que deram realmente certo em continuar, como, por exemplo, a saga Pânico, ou até mesmo Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado (mesmo o terceiro sendo horrível), da década de 90, e o Jogos Mortais, já na era de produções do século XXI.

Mesmo os filmes de terror perdendo bastante espaço nessa era 2012, graças às várias superproduções de filmes com super-heróis, como Os Vingadores, Batman, Amazing Spider-Man, etc., acho que as produções na área do terror/suspense, aonde o filme possui uma história, já que tem uns também que pelamordedeus nem se fala, é apenas crescer e com os novos recursos, melhorar.

Apesar do fim do Premonição 5 ter sido perfeito, ainda espero que venham mais filmes da série. Eu não me assusto mais, no máximo um jeitinho ruim quando alguém é decaptado ou quando cai algo em cima da pessoa, mas mesmo assim é gostoso assistir um filme como esse. Você sabe que todos vão morrer, porém a agonia de não saber quando lhe deixa perplexo esperando acontecer.

Altamente recomendo os cinco filmes da franquia, e não só as do Premonição, mas também a do Pânico e do ESOQVFNVP (menos o terceiro!). É bom tomar sustos e imaginar mortes catastróficas de vez em quando.

"Be Happy!"... Tentando não ficar paranóico imaginando que a morte... está ao seu lado! (MWAHAHAHAHA)

 Post ao som de: 一番の宝物 - Girls Dead Monster

12 de out de 2012

Serj Tankian!

Vamos ouvir? Juntinhos? -n

Creio eu que você já tenha ouvido aquela música do System Of A Down chamada Chop Suey, onde todos nós cantamos algo como "wake up (wake up), dakhdkjhdkads make up (make up)". Então, o mano que canta essa parada, um dos poucos que consegue, é o BarbixaMan Serj Tankian, que está atualmente em carreira solo e, diga-se de passagem, está indo muito bem.

Após o último disco lançado pelo carinhosamente chamado SOAD, em meados de 2005, Tankian resolveu tentar algo em carreira solo. Ao contrário de muitos que caem do cavalo, Serjinho do BBB, vem fazendo um bom trabalho, cantando como nunca e com uma banda de apoio digna de acompanhar suas habilidades vocais.

Com três CDs lançados até a presente data, sendo eles Elect The Dead (2007), Imperfect Harmonies (2010) e Harakiri (2012), Tankian não deixa lado toda a revolta contra "o sistema", como faz no SOAD, mas mesmo assim dá uma variada nos temas de suas composições. Não só o quesito composição que dá uma mudada, mas claramente o som é diferente do que congrassou o System Of A Down, mesmo ainda sem sair de dentro do estilo, que eu chamo de Nu Metal.

Deixando de lado a simples composição guitarra/baixo/bateria, Serjinho Groisman incrementa também pianos, instrumentos clássicos (violoncelo, violino, essas parada) e até alguns efeitos eletrônicos, bem escondidos, em algumas das músicas. Apesar do Imperfect Harmonies ter sido chamado de uma bosta ruim e com uma má performance de Tankian nos vocais, ele continuou firme e este ano lança Harakiri, que aliás, é tão bom, senão melhor, que o primeiro disco.

Levando em consideração a melhora do Imperfect Harmonies para o Harakiri, percebe-se que Serjinho Mallandro reconheceu seus erros e conseguiu consertá-los antes de lançar a nova obra.

Eu realmente recomendo o Elect The Dead e o Harakiri para você que gosta de SOAD e/ou pra você que curte um rock mais beirado para o Nu Metal, mas que não é tão pesado assim. É difícil categorizá-los em um estilo, aliás, odeio categorizar as coisas. Você apenas ouve o Serj Tankian cantando e reconhece, sabendo que coisa boa vem por aí.

"Be Happy!"... Conseguindo cantar as músicas da carreira solo dele, que não são tão rápidas e travadoras de língua! YEY!

Post ao som de: Sky Is Over - Serj Tankian

8 de out de 2012

The Darkness!

Vamos ouvir? Juntinhos? -n

Após uma renca de posts com resenhas sobre filmes, é bom voltar à uns dos tema principais do blog, sabe, né, rock e talz.

Provavelmente você conhece essa banda e também o que se pode considerar seu único sucesso: I Believe In A Thing Called Love, que, diga-se de passagem, tem um clipe sensacional. The Darkness é uma banda inglesa de hard rock nos tempos atuais. Formada pelos irmãos Hawkins, Justin e Dan, a banda trabalha sobre influência muito grande dos fódões ídolos do glam rock oitentista, como Kiss, Poison, Van Halen e até mesmo New York Dools.

Apesar de só ter implacado mundialmente uma música, se você olhar fundo no trabalho da banda perceberá que The Darkness possui muitos outros bons trabalhos. O grupo possui três discos, sendo que o último fora lançado este ano. São eles: Permission to Land (2003), One Way Ticket To Hell... And Back (2005) e o Hot Cakes (2012).

Os discos são bons, não deixam cair a bola. Ouvi todos em seguida, em uns dois dias, e posso dizer, mesmo aparentemente o som dos caras não ter mudado, percebe-se uma evolução muito grande na banda. Acho que não tem um novo hit mundial explosivo como a I Believe In A Thing Called Love, que até tocava em uma novela da Globo, neste novo disco, mas os riffs são bons e Justin Bieber Hawkins continua cantando muito.

Como é de se esperar de bandas de glam rock, os integrantes da banda são todos feios bagarai, os riffs de guitarra são bem marcantes e o vocalista pode, e muito, parecer gay, mas acredito que faça apenas parte do show. Parecendo gay ou não, Justin Hawkins possui uma ótima abtidão para gritos agudos, muito agudos. Pode parecer uma comparação exagerada, mas o agudo dele, apesar que em outra divergente do rock, me lembra muito o de Rob Halford.

Com algumas baladinhas, como não podia faltar, e músicas até alegrinhas, The Darkness continua seu caminho dentro do rock n' roll e vai continuando muito bem. Pode não ser aquele sucesso como foi em 2003, mas é uma banda que merece meu respeito, pois os caras são fodas!

Sou contra a pirataria, na internet e na de verdade, mas se não quiseres comprar os discos dos caras para conhecer, baixe-os. Valem a pena! =)

"Be Happy!"... Believing in a thing called love.

[PS.: Se quiser baixar os discos basta clicar nos nomes e fazer o download.]

Post ao som de: Concrete - The Darkness

6 de out de 2012

A Era Do Gelo!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

A Era do Gelo é aquele desenho em animação produzido pela 20th Century Fox onde se conta a história de três animais que viviam na era glacial do planeta. Sei que não preciso apresentar o filme, pois suponho que todos já tenham assistido pelo menos um da franquia, que agora contém quatro películas.

No primeiro Era do Gelo a história foi linda, bem feita, original e a dublagem era muito boa, não há pessoa que não tenha se emociado com o reencontro com os humanos e o bebê e tudo aquilo mais. Já em a Era do Gelo 2 os caras quiseram dar uma cutucada no mundo nosso, dando uma aquecida no mundo glacial fazendo as geleiras descongelarem, vide que o filme saiu no ápice da discussão sobre o aquecimento global. O terceiro filme é uma luta dos mocinhos com dinossauros que viviam no subterrâneo, uma baita viajada dos produtores, diga-se de passagem, mas ninguém reclamou.

Com o quarto filme, que saiu este ano, eu tomei uma conclusão: não importa quantos A Era do Gelo sejam lançados, nenhum superará o primeiro. Na história do quarto teve-se a divisão das terras do planeta do modo como o conhecemos, separando os continentes. O mamute agora tem uma filha, que é adolescente e ele é superprotetor e tudo mais. Possui até uns piratas muito loucos, só achei que faltou um Jack Sparrow lá no meio.

Não digo que deveriam ter parado no primeiro filme, até porque os outros são legais, mas simplesmente não adianta. Esse quarto filme, que é o segundo melhor de todos, teve ceninhas emocionantes e pá, mas todo mundo imaginava que, uma hora ou outra, o "bando" do bem iria encontrar novamente os humanos. CADÊ OS HUMANOS?

Eu sinceramente espero que se forem fazer um Era do Gelo 5 daqui a algum tempo ele seja o último e que haja esse reencontro com o bebê, que agora seria um homem. Imaginem que legal, eles se reencontram, quase morrem, o cara se lembra das trapalhadas do Sid e do "cadê o bebê?" do Diego, abraço-os e chora. Tudo termina bem e o Scrat, aquele esquilo, consegue ficar com a nós e não causar um desastre global.

Só pra constar, a ordem de fodasticidade (amei essa palavra!) dos filmes é: 1, 4, 3 e 2. =)

"Be Happy!"... Também esperando pelo reencontro.

Post ao som de: Maldito Windows Media Player fica fechando!

3 de out de 2012

Mercenários 2!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

Eu sei que não fiz um post sobre o primeiro filme mesmo merecendo e pá, mas levando em conta tudo o que eu tenho escrito nos últimos dois meses, ou seja, quase nada, um post sobre o dois estará de bom tamanho.

O novo filme do Stallone e de sua turma sapeca finalmente chegou até mim, que esperava ansioso, diga-se de passagem. Com um dos melhores elencos de FUCKING EVER que se podia esperar e com um trailer mais do que magnífico o filme prometia muito, e conseguiu cumprir. Mercenários 2 é um batcha de um filme de ação com sangue na medida certa, muitos tiros, muitos mesmo, e facas e kunais por todos os lados dos cenários.

Muitos falarão da fraca história e do exagero de "fodasticidade" por parte de Master Chuck Norris, mas tudo que ele faz no filme está dentro do que ele faz de verdade, achei até que Chuck pegou leve neste filme. Quanto à história, sim é um tanto quanto fraca, mas isso é o de menos, os brutamontes que assistem filmes como esse estão pouco se lixando pra história mesmo. Sem falar que as várias cutucadas dos personagens em respectivos atores, ou seja, as piadinhas com a personalidade dos caras, e vou falar que não são poucas, tiram toda a atenção disso.

A história se passa em algum lugar que eu esqueci, mas isso não tem importância o que importa é o seguinte: O Bruce Willis cobra o que o Stallone está devendo. O Stallone falha em pagar quando Van Damme o rouba. O Van Damme acha umas cinco toneladas de plutônio e quer vender pra ficar rico. Stallone e a trupe do bem os Mercenários vão atrás do Van Damme pra impedir que o plutônio caia em mãos erradas. Como eu disse, história clichê.

Uma coisa que eu achei sacanagem foi o seguinte: Jet Li está escalado como um dos "protagonistas", mas a participação do cara é menor do que a do mano que segue o Van Damme. Não que isso torne o filme ruim, pelo contrário, acho até que ele era o que menos se encaixava no grupo. O Jet Li luta pra caramba, mas não é foda o suficiente para estar em um filme com caras desse nível.

No geral é um filme foda de história fraca. Se você quer assistir um filme com roteiro elaborado, reviravoltas na trama e talz, Mercenários 2 não é pra você. Se você quer ver velhos fodas kicking some asses botando pra quebrar e gastando milhares de dólares em munição para despedaçar o peito do vilão... Mercenários 2 com certeza é pra você.

"Be Happy!"

[PS.: Sobre a foto: A sequência de cenas do aeroporto é simplesmente FODASTICAMENTE FODA!!]

Post ao som de: My Song - Girls Dead Monster