22 de jul de 2011

Galo!

Vamos cacarejar? Juntinhos? -n

Também não entendi o tema.
Estava eu pensando sobre o que escrever e já que estou com um "baita" galo na cabeça pensei em escrever sobre isso.

Galo, não sei por que usar esse "apelido" para quando a anta se bate a cabeça e aparece um caroço. Não há uma explicação lógica que eu conheço, mas nem precisa. Galo é fácil de lembrar.

Galo é o nome do marido da gala galinha. Quando um pinto crescer... Ele quer tchupléqui tchuplin no ratioflái se torna um galo.
Quem é da cidade grande não tem convivência com esse bicho. Eu, mesmo morando no centro da cidade, ouço um motherfucking galo cantando toda a manhã às 5 horas em ponto. É esse o horário que eu estou dormindo ultimamente.

Há a Missa do Galo também. É celebrada na noite de Natal, ou algum dia perto desse. Deve de ter esse nome porque é feita tão tarde que chega a ser cedo. É o Papa quem reza a missa e ele deve de tomar uns 50 Red Bulls pra aguentar toda a cerimônia, aquilo deve de dar um sono.

Por falar em bebida, tem também o Rabo de Galo. Eu nunca bebi e não sei se vem alguma pena por cima do copo ou algo do tipo. Só sei que tem esse nome, agora o por quê? Não faço ideia!
Sei que dá pra ficar lelé bêbado de boa. Você, depois de bêbado, pode cair bater a cabeça e fazer um galo.
Só pra constar: Não foi assim que consegui o meu! Na realidade eu não sei como consegui, só sei que está doendo bagarai.

"Be Happy!"... Se tu bater a cabeça vai ser difícil!

[Sobre a foto: Quem nunca se perguntou desde quando o Van Damme tem aquele galo na testa?]

Post ao som de: Não ouvia nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário