9 de jul de 2012

Goon!

Vamos assistir? Juntinhos? -n

Dando uma rápida olhada na capa: Seann William Scott, com um fundo branco, rindo como o Stifler (mesmo sem dente) e o nome do filme nessa fonte; pode-se até pensar que este é mais um filme no estilo de American Pie, com uma história fraca, muitos peitos e um personagem idiota, mas não é esse o caso.

Goon ou "Os Brutamontes", como foi traduzido para o português, é um filme baseado em um história real onde o personagem principal, Doug Glatt (Seann William Scott), é um segurança com abtidão para nocautear pessoas.

No meio de um jogo de hóquei, que ele estava no estádio, simplesmente assistindo, um jogador que acabara de ser suspenso vem para bater em seu amigo que eu esqueci o nome, em um ato de reflexo, Glatt defende o amigo, quebrando o nariz do jogador, e assim ganha um contrato com o outro time do jogo.

Se eu contar mais do que isso posso estragar o desenrolar do filme. Goon é um ótimo filme, só não consigo definí-lo em uma categoria. Ele possui sim comédia, mas não é o foco, não é melancólico para ser drama, não tem armas de fogo para ser ação, não tem uma turminha da pesada atravessando o mundo para ser aventura e, mesmo tendo uma guria por quem ele se apaixona, não é um romance.

Goon realmente é um filme que vale muito a pena assistir, o final é de dar arrepios, tenho de dizer. Possui sangue, dentes voando, derrotas, vitórias, drogas, rock n' roll e UHULLL. Desculpem, me empolguei.

Alugue-o na locadora mais próxima, já que sou contra a pirataria, ou, em um último recurso ou não baixe-o, pois realmente vale o download.

Post ao som de: Perfect Crime - Guns N' Roses

Nenhum comentário:

Postar um comentário